O desafio dos monstros – parte 2

desafio-2_monster

Continuando o “desafio” da semana passada apresentando a primeira das versões d’O desafio dos monstros. Neste caso o jogo reescrito em Python e mantendo a promessas de preservar a interface original e também de não acrescentar novas funcionalidades e/ou recursos…

Ou quase. 🙂

A versão em Python

desafio-2_panic

Vale a pena lembrar que BASIC e Python são bichos suficientemente diferentes para não permitir uma transcrição literal, daí refiz o programa a partir do seu funcionamento — ou “regra de negócio” se preferir uma expressãomais chique.

As duas únicas adições ao jogo foram:

  1. Uso das cores para indicar os três cenários distintos do jogo, ou seja, fundo azul quando se enfrenta o monstro, vermelho quando se pressiona o botão de pânico e, preto para quando ele se encerra e
  2. A possibilidade de se corrigir o valor digitado pressionando «Backspace».

Algumas considerações:

  • Trabalhei com a versão do jogo com as mensagens em inglês mas é possível (re)traduzi-lo;
  • O programa usa os módulos random e time para, respectivamente, trabalhar com números aleatórios e contar o tempo — partes do jogo;
  • Usa o módulo o curses para deixar a tela mais bonita e realizar a leitura do teclado através da biblioteca ncurses;
  • Aninhei funções para aproveitar as variáveis já definidas no escopo da função principal do jogo, a monster_wrestling, e assim não precisar criar uma classe (diferente do que fiz no Paint-It onde há um objeto “guardando” todo o jogo) e
  • Atendendo ao pedido da Usborne quanto às adaptações dos programas de seus livros há tanto a referência da publicação utilizada como da URL para acesso da página deles onde estes foram disponibilizados.

A versão em BASIC tem pouco mais de 1.5KiB mas a versão em Python ultrapassou os 8KiB, daí criei um repositório no GitHub para armazená-la (a versão original também está lá).

Fim desta parte

desafio-2_end_of_game

Antes de encerrar uma “quase” errata! Apesar do WEIRD COMPUTER GAMES ser de autoria de Jenny Tyler e Chris Oxlade, apenas quatro dos seis jogos no livro foram escritos por eles. Os jogos “O desafio dos monstros” e “Micropuzzle” foram escritos por Adrian Hall e Les Howarth, respectivamente.

E para a próxima parte, a versão em MSX-BASIC! 🙂

Anúncios

Um comentário sobre “O desafio dos monstros – parte 2

  1. Pingback: Repórter Retro Nº 031 | Retrocomputaria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s