Introdução ao Packer

Packer-1_abertura

A partir do Vagrant é possível baixar a imagem de uma máquina virtual já pronta, criar uma versão customizada dela utilizando o vagrant package e até disponibilizá-la publicamente através do Atllas. Mas como fazer para criar uma box a partir do zero? É aqui que entra uma outra ferramenta da HashiCorp, o Packer. Que junto com o Vagrant compõe alguns dos ingredientes da ração para cachorro que eles produzem e consomem por lá.

Continuar lendo

Anúncios

Utilizando o Vagrant – parte 2

Vagrant-2

Só relembrando que na primeira parte o Vagrant foi instalado e que duas boxes, CentOS 7 e Ubuntu 14.04, foram deixadas disponíveis no cache. Isto já  permite subir máquinas virtuais com estes dois sistemas operacionais de forma quase instantânea mas é claro que ambas são imagens padronizadas e contendo “apenas” o  necessário. Logo é hora de customizá-las e também aproveitar para conhecer um pouco mais do “Vagrantfile” no processo.

Continuar lendo

Utilizando o Vagrant – parte 1

Vagrant-1

Há algum tempo comecei a olhar com alguma atenção ao Vagrant mas então o Docker cruzou meu caminho e como parecia “mais interessante” e fazendo a “mesma coisa” acabei mudando o foco e deixando-o de lado. Mas como nunca é tarde de mais, resolvi dar alguma atenção para ele e para o Packer — outra ferramenta produzida pelo HashiCorp e que até me ajudou a preencher algumas dúvidas que tinha com relação ao Vagrant.

Continuar lendo