Jogos Legais, tomo IV

jogos-4_papers_please

Voltando para fechar esta série com a última parte da tal lista de “jogos legais” (que não necessariamente) rodam em Linux e que consumiram/consomem uma boa fatia do meu tempo livre. Agora é a vez dos jogos comerciais, sim aqueles  que compramos.

E, diga-se de passagem, não são assim tão novidade quanto parece. A primeira safra deles apareceu no final da década de 1990 com vários títulos originais de Windows convertidos pela Loki Software. Aliás a página deles ainda existe, a loja está fechada desde 2001 mas o conteúdo está todo lá.

Como comprar?

Como não estão disponíveis em lojas físicas (assim como quase todo o software disponível atualmente), são encontrados em lojas de aplicativos. Estas são algumas das lojas que eu sei que tem jogos disponíveis para Linux:

  • Humble Store — Tem tanto jogos quanto ebooks disponíveis na versão loja para as aquisições individuais como também as promoções (os Humble Bundle) oferecidas regularmente no estilo “pague o quanto quiser”.
  • itch.io — É uma loja gratuita de jogos para diversas plataformas, eles oferecem o espaço e cobram um valor pelas transações efetuadas.
  • Steam — A plataforma de distribuição de jogos da Valve e… preciso explicar mais? 🙂
  • Ubuntu Apps Directory — O diretório oficial de aplicativos para Ubuntu Linux, aqui estão tanto os pacotes da própria distribuição como também programas comerciais (jogos inclusos).

Cave Story+

jogos-4_cave_story

É uma versão aprimorada do Cave Story, ou 洞窟 物語 — doukutsu monogatari,  e é um jogo de ação/plataforma que presta uma óbvia homenagem ao gênero nos consoles de 8/16-bit. Sem dar muitas informações sobre o enredo (ele vai sendo apresentado durante o jogo) você é um robô desmemoriado chamado Quote que, enquanto tenta descobrir informações sobre si próprio, ajuda os Mimigas (o “povo-coelho”)  e humanos contra um sujeito chamado simplesmente como “Doutor”.

→  http://www.nicalis.com/

Braid

jogos-4_braid

Ainda no gênero de plataforma, removendo um pouco da ação e acrescentando a resolução de puzzles e uma dimensão, mas não a de profundidade e sim a de tempo. E você pode ir e voltar no tempo do mesmo modo como se direciona para esquerda ou direita. Aliás, esta capacidade é um dos componentes necessários na resolução dos quebra-cabeças. O enredo é um tanto enigmático e, assim como no Cave Story, vai sendo passado em partes, mas seu nome é Tim e seu objetivo é resgatar uma “Princesa” das mãos de um “monstro”.

→  http://braid-game.com/

FEZ

jogos-4_fez

E de volta às duas dimensões, neste jogo de plataforma você é Gomez, um personagem que ao ganhar um fez (ou “chapéu turco”) ganha a capacidade de alternar o ponto de vista do seu mundo bidimensional — mas algo errado acontece e o mundo de Gomez agora corre perigo de se desmantelar e, claro,é uma boa ideia você evitar que isto aconteça. Um jogo longo e com um visual impressionante e basicamente exploratório e, acredite, sem a presença de inimigos.

→  http://fezgame.com/

Papers, Please

jogos-4_papers2

Procurando algo mais próximo da realidade? Que tal a pressão de trabalhar em um posto de fronteira de uma obscura nação europeia, Arstotzka,  com regras de imigração que vão ficando cada vez mais obscuras e complexas conforme o passar do tempo, ao mesmo tempo em que precisa manter um nível de vida aceitável para você e seus familiares. Divirta-se com a burocracia te massacrando a cada novo dia de trabalho. 😀

→  http://papersplea.se/

Sword & Sworcery

jogos-4_sword_and_sworcery

Clássico jogo de aventura no estilo point & click (ou touch & touch se for jogado em tablets e celulares). Não subestime o jogo por conta dos gráficos pixelizados, o visual e a trilha sonora são fantásticos, isto sem falar no enredo! As língua inglesa ajuda a esconder mas você é uma guerreira  do povo cita (ou  scythians em inglês) em busca do Megatomo  e, eventualmente, das três partes do Trigon Trifecta.

http://www.swordandsworcery.com/

Gostaria muito de ter incluído aqui o jogo This War od Mine mas meu hardware atual não o suporta, mas quem sabe num futuro próximo?

Os jogos Braid e FEZ estão disponíveis em português de Portugal e Papers, Please em português do Brasil. Os demais apenas em inglês.

E para fechar:

  • Fatos bem interessantes sobre o desenvolvimento de Braid e FEZ (principalmente deste que teve um processo de gênese bem complicado) fazem parte do documentário Indie Game: The Movie;
  • Braid, FEZSword & Sowcery são citados em outro documentário bem interessante, o Damsel in Distress da Anita Sarkeesian e
  • Papers, Please é citado em uma das resenhas do livro : Obsequim : Un relato cultural, tecnológico y emocional de La Abadía del Crimen da editora espanhola Ocho Quilates.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s